Inovação disruptiva

Inovar é preciso, muitos ouvem esta frase e acaba achando que inovar é sempre ter uma ideia nova, fazer algo novo, inventar. Mas há vários tipos de inovação, uma delas é a inovação disruptiva.

Inovação

É uma inovação tecnológica que provoca um rompimento de paradigma no mercado. Basicamente consiste em pegar uma ideia ou um produto, e reduzir custo e ampliar a distribuição, criando um novo mercado para consumidores ou até para não-consumidores, reduzindo itens/partes/serviços e consequentemente o valor.

desempenho_interesse

A ideia foi originalmente difundida por Clayton Christensen que em 1995 publicou um artigo juntamente com Joseph Bower. As inovações disruptivas normalmente são seguidas por inovações incrementais.

Um exemplo é o e-book que veio para competir com um mercado até então estável, o mercado do papel celulose, visando uma preocupação com o meio ambiente e aumentando a oferta de livros no mercado.

ebook-vs-book

Outro exemplo de inovação disruptiva para o mercado nacional foi a entrada da Gol linhas aérea, que criou um novo mercado para não consumidores, reduzindo consideravelmente o valor das passagens aéreas, reduzindo mimos e serviços oferecidos pelas empresas que estavam no mercado.

Uma opinião sobre “Inovação disruptiva”

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.